Participação da Equipe Feminina no Bradesco Brasil Seven’s

Por Joana Loureiro

Fomos sexta, dia 16, rumo à mais importante competição de rugby seven-a-side brasileira, o Bradesco Brasil Sevens, realizada em Embu das Artes-SP, onde foram definidos os campeões nacionais de 2011 nas categorias: feminino, masculino adulto e masculino juvenil.

Chegamos cedo ao Estádio Municipal Hermínio Espósito, por volta de 8 da manhã. Houve tempo de sobra para nosso primeiro jogo do dia, às 13hs: BH x Desterro. Com um comportamento atípico dentro de campo, o BH não conseguiu desenvolver jogadas, nem assegurar uma defesa eficiente. As catarinenses abriram o placar no início e, sem dificuldades, impuseram o seu rápido jogo, fechando em 48 x 0.

Às 17hs foi a vez do nosso segundo e último jogo do sábado: BH x Pasteur – as mesmas adversárias de uma semana antes, no SPAC. Dessa vez a história foi diferente, um embate em que o BH colocou os eixos no lugar, desenvolvendo em campo boa parte dos treinamentos do ano de 2011. Com eficaz ligação entre linhas e forwards, conseguimos uma vitória que nos dava o alívio de ainda continuarmos vivas na competição. Foi um jogo, felizmente diferente de muitos, em que pudemos contar com a tranqüilidade de ter no comando a indiscutível arbitragem do Sr. Xavier Vouga, o mesmo que apitou a final do Super 10 e um dos principais nomes do país. Final de jogo: BH 22 x 0 Pasteur.

Depois de um sábado cansativo, em parte devido à longa exposição ao sol, (com quase nenhuma infra-estrutura para os atletas, eram pouquíssimos os lugares com sombra), fomos descansar em um hotel perto de Embu e repor as energias para o domingo, quando aconteceu nosso último jogo de rugby do ano.

Com o sol a pino, às 13hs do domingo, enfrentamos as francas favoritas à taça: BH x SPAC. Até 3 minutos do primeiro tempo conseguimos segurar as rápidas atletas. Mesmo o BH com bons tackles e uma forte marcação no começo de jogo, as paulistanas conseguiram furar nossa defesa, inaugurando a pontuação. Apesar do placar elástico de 43 x 0, saímos de campo satisfeitas, pois, dentro do nosso nível, conseguimos, de certo modo, colocar em prática a marcação, tarefa vigorosamente árdua em se tratando de adversárias (algumas delas) titulares da seleção brasileira.

Assim fechamos o ano de 2011. A partir de agora é férias (merecidas!), voltamos em meados de janeiro, com força total, e que em 2012 possamos fazer uma temporada melhor ainda!

P.s.: Agradecemos o apoio incondicional do atleta Felipe Baptista que acompanhou a delegação feminina neste torneio.
.
EM by Alessandro Travassos | BH Rugby

comentários