BH Rugby espera casa cheia no sábado para vencer a 1ª no Super 10

O próximo sábado (20) será vital para o time masculino do BH Rugby. Esse será o dia em que a equipe disputará o único jogo em casa na fase de grupos do Super 10, o Campeonato Brasileiro da modalidade. A partida, contra os paulistanos do Pasteur, será válida pela terceira rodada de um total de quatro. Como perdeu os dois primeiros confrontos, vencer em Belo Horizonte é uma obrigação para tentar fugir da última colocação da Chave Verde e, assim, evitar o risco de rebaixamento.

A partida será às 15h no campo da PUC Minas Coração Eucarístico. A entrada, como sempre, será de graça. Mais um motivo para esperar a arquibancada cheia e receber o apoio da torcida, incentivo que faz diferença para quem está na batalha no gramado.

Na estreia do Super 10, no dia 30 de julho, o BH Rugby teve que jogar em São Paulo. Oficialmente, foi o anfitrião da partida, mas, na prática, o jogo contra o Desterro (SC) teve campo neutro. Os mineiros (únicos representantes do Estado entre as dez equipes) foram derrotados por 57 a 18. Na segunda rodada, disputada no último sábado, o BHR foi superado novamente. O jogo contra o Curitiba Rugby, na capital do Paraná, foi duro do início ao fim, truncado e equilibrado. Mas um momento de distração nos 20 minutos iniciais do segundo tempo comprometeu o resultado, e o time foi superado por 37 a 25.

Do lado dos paulistas, o confronto de sábado será o segundo, já que folgaram no dia 13. Na primeira rodada eles venceram justamente os Touros do Curitiba, por 21 a 3, em casa.

Agora, é a vez de, novamente, os atletas do BH Rugby deixarem tudo dentro de campo para buscar a vitória contra um adversário tradicional do rugby brasileiro. Somada à raça do time, dos primeiras-linhas ao full-back, a energia extra vinda de fora do campo contará muito.

Serviço

BH Rugby x Parteur AC

3ª Rodada do Super 10

Sábado, 20 de agosto, às 15 h

PUC Minas, Campus Coração Eucarístico

Avenida Dom José Gaspar, 500, Coração Eucarístico, BH

Entrada gratuita

EM by Alessandro Travassos | BH Rugby

comentários