Clínica de rugby para cadeirantes em BH

Clínica de rugby para cadeirantes forma atletas e educadores em BH

Fotos: Divulgação/Programa Superar

Belo Horizonte recebeu neste fim de semana a clínica de capacitação para rugby em cadeiras de rodas. Cerca de 90 alunos entre cadeirantes e profissionais de educação física e fisioterapia participaram do curso, que foi ministrado no sábado e no domingo no bairro Carlos Prates.

A iniciativa é resultado da parceria entre o programa Superar, da Secretaria Adjunta de Esportes da Prefeitura de Belo Horizonte, e a Associação Brasileira de Rúgbi em Cadeira de Rodas (ABRC), que vem realizando essa atividade educativa no país.

O objetivo é difundir a prática do esporte, direcionado especificamente para atletas tetraplégicos (que possuem algum tipo de comprometimento motor em pelo menos três membros) de acordo com as regras da International Wheelchair Rugby Federation (IWRF). Para tanto, a clínica foi dividida em três eixos principais: as normas para a classificação funcional dos atletas, a capacitação quanto à dinâmica do jogo e arbitragem.

O BH Rugby, como único clube de rugby da capital mineira, foi um dos parceiros do curso. Humberto Assis, que é atleta, fisioterapeuta e monitor do programa Superar, ficou surpreendido com a participação. “Pensávamos que íamos ter que implorar para que as pessoas viessem, mas as inscrições se esgotaram rapidamente. Superou nossas expectativas”, afirmou. Prova de que o resultado foi positivo é que, a partir da clínica, o BH Rugby passou a ter a oportunidade de formar uma equipe de cadeirantes. O convite para participar do terceiro campeonato brasileiro da modalidade, no fim do mês, já foi feito pela ABRC.

João Gualberto Jr.


EM by Alessandro Travassos | Adulto, BH Rugby, Feminino, Infantil, Juvenil, Rugby Brasil

comentários